TOP notícias

Cinema: Estrela da Disney vence luta contra as drogas e volta a atuar

Disney reverte corte e “Lightyear” terá primeiro beijo LGBTQIAPN+ da Pixar

  Disney reverte corte e “Lightyear” terá primeiro beijo LGBTQIAPN+ da Pixar Após protestos dos funcionários da Pixar, que denunciaram a Walt Disney Company em carta aberta por censurar cenas de afeto LGBTQIAPN+ em suas animações, a Disney resolveu reverter um corte no filme “Lightyear”. Graças a isso, o spin-off de “Toy Story”, focado na origem do astronauta da franquia de brinquedos, terá o primeiro beijo entre […]Será apenas a segunda vez que uma personagem abertamente LGBTQIAPN+ é retratada numa animação da Pixar. A primeira foi Specter (Lena Waithe), uma policial de “Dois Irmãos”, que durante uma cena faz uma rápida alusão a sua namorada.

Quer se manter informado, ter acesso a mais de 60 colunistas e reportagens exclusivas?Assine o Estadão aqui!

Shaun Weiss retoma carreira após mais de 14 anos longe dos cinemas. © 'Nós Somos os Campeões' / Facebook @MarysvillePD Shaun Weiss retoma carreira após mais de 14 anos longe dos cinemas.

O ator norte-americano Shaun Weiss estará de volta aos telões, após um período em reabilitação pelo consumo de metanfetamina. Ele interpretou Greg na série de filmes Nós Somos os Campeões, na década de 1990, com 14 anos.

Shaun foi preso em janeiro de 2020, após ser encontrado em um carro roubado. Segundo a polícia, o ator teria mostrado sinais do uso de metanfetamina. No mesmo ano, a justiça definiu que ele seria solto para iniciar um tratamento contra a dependência química. Após dois anos num hospital da Califórnia, Shaun foi liberado e agora está recomeçando a vida, longe das drogas.

Disney+ vai ficar mais barato, mas há um problema: Entenda novo modelo de assinatura do streaming

  Disney+ vai ficar mais barato, mas há um problema: Entenda novo modelo de assinatura do streaming Em breve, o Disney+ passará a oferecer um novo modelo de assinatura para seus usuários. A nova estratégia vai diminuir o preço da mensalidade e, “em troca”, começará a introduzir anúncios e publicidades no catálogo recheado de algumas das maiores franquias do cinema. Segundo o Business Insider, o novo plano deve começar a funcionar nos Estados Unidos no final deste ano e deve ser expandido para outros países a partir de 2023. Segundo oSegundo o presidente da divisão da Disney, a ideia é amplificar o acesso ao streaming, barateando o custo não só para assinantes, mas também para os anunciantes. “Expandir o acesso ao Disney+ a um público maior por um preço mais baixo é uma vitória para todos - consumidores, anunciantes e produtores.

Nas redes sociais, ele comemorou o retorno à carreira, depois de 14 anos longe dos cinemas. O filme se chama Jesus Revolution e conta a história de Lonnie Frisbee, um religioso fundamentalista que viveu nos Estados Unidos entre as décadas de 40 e 90. Shaun deve interpretar um seguidor de Lonnie que abandona o uso de drogas para seguir a religião.

Bruce Willis forçou a Disney a cancelar um filme quase pronto e estrelou os maiores sucessos de sua carreira para compensar .
Bruce Willis foi uma das maiores estrelas de Hollywood durante os anos 90, participando de produções aclamadas como Pulp Fiction - Tempo de Violência (1994) e Os 12 Macacos (1995), mas isso não quer dizer que ele não se envolveu em polêmicas ao longo de sua carreira. Um dos casos mais emblemáticos aconteceu em 1997, quando forçou a Disney a cancelar a comédia romântica Broadway Brawler e, depois disso, precisou assinar um acordo com a empresa para compensar o prejuízo deixado pela produção.

Ver também