TOP notícias

Esportes: Harmonização facial e diabetes: os cuidados que pessoas com a doença precisam ter antes do procedimento

Reconhecimento facial entra na guerra na Ucrânia

  Reconhecimento facial entra na guerra na Ucrânia A Ucrânia usa tecnologia de reconhecimento facial para identificar soldados russos mortos durante a invasão de seu território, em uma aplicação complexa e inovadora de um programa considerado problemático, segundo especialistas. Especialistas apontam que o reconhecimento facial pode ser particularmente problemático quando usado em mortos, especialmente porque as pessoas parecem muito diferentes depois que sofrem ferimentos de guerra na comparação com suas fotos de casamento bem iluminadas e sorridentes, por exemplo.

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), 13 milhões de brasileiros sofrem de diabetes. Esse número indica que aproximadamente 6,2% da população do país é acometida pela doença. Quando não tratada adequadamente, a diabetes provoca mudanças severas no organismo do indivíduo, com destaque para a pele, o que torna contraindicado procedimentos estéticos como a harmonização facial.

Por que alguns procedimentos são contraindicados para pacientes com diabetes descontrolada? “A elevação nos níveis de glicose sanguínea é a principal manifestação da diabetes. Índices elevados podem causar, além de problemas na circulação do sangue, complicações inflamatórias e problemas de cicatrização cutânea”, explica Dr. Ajuz, especialista em harmonização facial e cirurgião dentista.

Microplásticos: principais poluentes dos oceanos

  Microplásticos: principais poluentes dos oceanos Os microplásticos, como o próprio nome diz, são pequenas partículas de plástico. Esse tipo de material é um dos principais poluentes dos oceanos. Alguns pesquisadores consideram que o tamanho máximo dos microplásticos é de 1 milímetro, enquanto outros adotam a medida de 5 milímetros. O grande problema é que, como mencionado em nossa matéria sobre a grande quantidade de plástico nos oceanos, os microplásticos alteram a composição de certas partes dos oceanos, prejudicando o ecossistema da região e consequentemente a saúde humana.

Dr. Ajuz, especialista em harmonização facial - Foto: MF Global © Fornecido por Bolavip Brasil Dr. Ajuz, especialista em harmonização facial - Foto: MF Global

Os preenchimentos com ácido hialurônico empregados na harmonização facial utilizam microagulhas para aplicar o composto, que será posteriormente absorvido pelo organismo. A diabetes descontrolada representa maiores chances de inflamação, portanto a harmonização facial é contraindicada para esse grupo a fim de evitar complicações e que o procedimento não atinja o objetivo estético desejado.

Consultar o médico antes do procedimento

“Em casos onde a diabetes está controlada, a harmonização facial mostra-se segura. Portanto, antes de buscar realizar um procedimento estético, é primordial que o paciente com diabetes consulte o seu médico e realize exames para assegurar que a técnica não representa nenhum risco para a sua saúde”, afirmou o doutor na sequência.

Congresso dos EUA avança para estabelecer teto para preço da insulina

  Congresso dos EUA avança para estabelecer teto para preço da insulina A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos votou nesta quinta-feira (31) um texto que, se receber luz verde do Senado, reduzirá drasticamente o preço da insulina para os americanos, que pagam muito mais que em outros países por este hormônio vital para milhões de diabéticos. O projeto de lei propõe reduzir a um máximo de 35 dólares por mês o preço a ser pago por cada um dos 7,4 milhões de americanos que precisam deste tratamento. Hoje, elesO projeto de lei propõe reduzir a um máximo de 35 dólares por mês o preço a ser pago por cada um dos 7,4 milhões de americanos que precisam deste tratamento.

Recentemente, a cirurgiã-dentista e especialista no assunto, Michele França explicou as razões pela alta procura pela chamada "desarmonização facial", que consiste na reversão da técnica usada para alterar o formato do rosto de uma pessoa.

Leitura recomendada:

  • Covid-19: Praticantes de atividades físicas têm menos chances de formas graves da doença
  • Covid-19: OMS divulga relatório semanal com queda no número de casos e mortes confirmadas
  • Anvisa aprova novo tratamento para o câncer

Related slideshow: 25 clubes que mais lucraram com vendas de jogadores da base nos últimos anos (Provided by Bolavip Brasil)

Custo anual de diabetes no Brasil pode chegar a R$ 27 bilhões em 2030, diz estudo .
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Os custos de diabetes no Brasil já superam US$ 2,1 bilhões (cerca de R$ 10 bilhões), sendo US$ 633 milhões (cerca de R$ 3,16 bilhões) para gastos diretos e US$ 1,5 bilhão (ou R$ 7,5 bilhões) para gastos indiretos com a doença. Tal soma pode chegar a US$ 5,47 bilhões (cerca de R$ 27,35 bilhões) até 2030, o que equivale a um crescimento de 6,2% ao ano, caso o número de pessoas que convivem com a doença aumente 13% até lá. Se a incidência de diabetes continuar subindo no Brasil, esse cenário pode se concretizar até antes, de acordo com uma pesquisa.

Ver também