TOP notícias

Esportes: Confira as cinco maiores vendas que o Internacional já fez em sua história

No radar de gigantes europeus, Matheus França aparece em lista de maiores promessas do mundo

  No radar de gigantes europeus, Matheus França aparece em lista de maiores promessas do mundo Joia do Flamengo tem a multa rescisória estipulada em 100 milhões de euros, a maior da história do clubeAlém de Matheus França, Endrick (Palmeiras), Kaiky e Marcos Leonardo (os dois últimos do Santos) são outros brasileiros que constam na lista.

O Internacional sempre fez transações importantes em toda a sua história, e conseguiu arrecadar uma boa quantia quando os seus principais jogadores se destacaram nas temporadas. Listamos as cinco maiores vendas que o Colorado já fez até aqui.

  Confira as cinco maiores vendas que o Internacional já fez em sua história © Bolavip

Em 2001, o volante Fábio Rochemback era umas promessas do Inter na temporada. O jogador se destacou até que foi vendido para o Barcelona por 13,6 milhões de euros. Sem muito sucesso no time catalão, foi emprestado para o Sporting e logo depois vendido para o Middlesbrough.

Pato aparece na lista como uma das maiores vendas com apenas 17 anos. Cria da base do Colorado, o atacante foi destaque do time na conquista do Mundial de Clubes de 2006 e o Milan comprou o jogador por 14,6 milhões de euros. Em terceiro lugar, aparece a negociação do volante Fred.

Novo reforço do São Paulo, Patrick é o jogador com mais desarmes no Brasileiro desde 2017

  Novo reforço do São Paulo, Patrick é o jogador com mais desarmes no Brasileiro desde 2017 Meia chega ao Tricolor após quatro anos defendendo o InternacionalForte fisicamente e com boa chegada ao ataque, Patrick vem se destacando desde 2015, quando disputou a sua primeira Série A, vestindo a camisa do Goiás. Em 2017, se transferiu para o Sport, onde se consolidou na elite do futebol nacional - disputou a Série B pelo Esmeraldino em 2016 - e foi o 3º maior ladrão de bolas daquela edição, com 116.

Foto: New Press/Getty Images/ Pato saiu do Internacional e foi vendido para o Milan. © Fornecido por Bolavip Brasil Foto: New Press/Getty Images/ Pato saiu do Internacional e foi vendido para o Milan.

O jogador foi vendido por 15 milhões de euros para o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. Após ficar cinco anos atuando no país, foi transferido para o Manchester United por 59 milhões de euros. Nilmar aparece em segundo lugar. O atacante foi revelado no colorado em 2002 e endido para o Lyon em 2004 por 5,75 milhões de euros. Depois, retornou ao clube em 2007, se tornando um dos principais jogadores do futebol brasileiro.

Depois de despontar, foi vendido novamente, agora para o Villarreal em julho de 2009 pelo valor de 16,5 milhões de euros. E em primeiro lugar está a negociação de Oscar, como a maior do Internacional, Após o jogador sair do São Paulo em uma negociação complicada, foi bem no Colorado até que chamou a atenção do Chelsea, que desembolsou uma quantia milionária, cerca de 31,9 milhões de euros.

Palmeiras encerra terceiro dia de pré-temporada com desafios técnicos e lúdicos em campo

  Palmeiras encerra terceiro dia de pré-temporada com desafios técnicos e lúdicos em campo Verdão treinou no período da tarde depois de trabalhar na parte da manhã. Além dos componentes técnicos e físicos, os trabalhos tiveram o intuito de divertir o elenco alviverde depois dias de treino em dois períodos. No sábado, haverá atividade apenas pela manhã, às 10h, e no domingo está marcado um jogo-treino contra o Pouso Alegre, às 16h30, na Academia de Futebol.A estreia do Palmeiras na temporada será no dia 23, contra o Novorizontino, às 16h, no interior paulista, em partida antecipada da quinta rodada do Paulistão.

Leitura recomendada:

  • Jornalista 'passa pano' para rebaixamento do Grêmio e colorados repercutem declaração
  • Sóbis abre o jogo sobre lance polêmico de Tinga em 2005 no Internacional
  • Felipe Melo expõe conversa com Inter e situação no Palmeiras

Vendas antecipadas de café do Brasil reduzem ritmo após início acelerado, diz Safras .
O fluxo de vendas está 22% acima da média dos últimos anos para o período []A venda do café do Brasil –com colheita em fase inicial nas próximas semanas– alcançou 29% da produção esperada até a última terça (12), avanço de apenas um ponto percentual na comparação com o levantamento do mês anterior.

Ver também