TOP notícias

Mundo: São Bartolomeu comemora fluxo de turistas, mas se preocupa com preservação

LBFF 6: SS Esports domina dia 1 e Fluxo garante três Booyah no dia 2 da Semana 5

  LBFF 6: SS Esports domina dia 1 e Fluxo garante três Booyah no dia 2 da Semana 5 A Semana 5 da Liga Brasileira de Free Fire 6 (LBFF 6) terminou no último domingo (26) e teve dois dias muito acirrados, com o Dia 1 (sábado) sendo dominado pela SS Esports, enquanto o Dia 2 (domingo) teve o Fluxo com 3 Booyah!, mas o Corinthians e Miners.gg como equipes que mais pontuaram por estabilidade. O sábado contou com dobradinha da SS Esports (queda 1 e 5) e da Miners (queda 4 e 6), mas os times que mais pontuaram foram SS com 82 pontos, B4 Esports com 78 pontos e AmazonCripz com 64 pontos. Esses pontos são importantes para a AmazonCripz, que está lutando por uma das últimas vagas para a Final – próximo do 12º lugar na tabela.

 Moradores querem receber os turistas, mas desejam conservar o vilarejo © Divulgação/ Secretaria de Turismo, Indístria e Comércio de Ouro Preto Moradores querem receber os turistas, mas desejam conservar o vilarejo Nesta quarta-feira (06/10), um grupo de 19 turistas de diversas localidades do país foi recebido pelo agente de turismo rural, Marco Aurélio Mota, que mostrou o motivo do distrito de São Bartolomeu, em Ouro Preto, ser um dos três destinos rurais brasileiros a participar do concurso que dará o selo de "Melhores Vilas Turísticas do Mundo", promovido pela Organização Mundial do Turismo (OMT), agência das Nações Unidas. A alegria pela grande procura também deu espaço para preocupação devido à falta de infraestrutura para atender o aumento da demanda.   “Houve um aumento de turistas querendo conhecer São Bartolomeu, tanto dia de semana quanto nos finais de semana, e a partir daí vimos que o distrito não está totalmente preparado, tanto no comércio quanto em serviços de hospedagem e infraestrutura”.   “Ganhamos na loteria, mas não sabemos o que fazer com o prêmio”, foi essa a definição dada pelo presidente Associação de Desenvolvimento Comunitário de São Bartolomeu, Sergio Murilo de Oliveira, que após o boom de turistas no vilarejo aumentou a renda dos moradores, mas ao mesmo tempo causou uma insegurança sobre o futuro desse sucesso na preservação original do vilarejo.   Uma das grandes preocupações apontadas pelo presidente da Associação está relacionada à preservação das tradições religiosas do lugar, bem como manter intacta as características do vilarejo com a preservação do Patrimônio e do meio ambiente.   Para o agente de turismo rural, outra preocupação dos moradores está relacionada ao abastecimento de água e o aumento da produção do lixo que não acompanha a coleta que é feita no distrito apenas uma vez na semana. Demandas Para a presidente da Associação de Doceiros de São Bartolomeu, Pia Guerra, o potencial turístico do distrito precisa ser organizado para que o distrito não perca as suas principais características.   “O potencial turístico encantador que acalenta todo mundo com a nossa beleza natural, histórica e cultural, com o patrimônio imaterial dos doces e das festas é o que a comunidade quer manter''.   Para Marco Mota, o patrimônio material também deve ser protegido e o morador aponta a Igreja Matriz de São Bartolomeu, uma das mais antigas de Minas Gerais que ainda conserva características intocadas, como um bem material que tem sofrido ao longo de três séculos danos que podem ser irreparáveis.   “O adro da igreja Matriz de São Bartolomeu está com muitos danos na estrutura, com risco de desabamento e, por isso, nós moradores juntamente com a Associação pedimos que a igreja fique fechada e a rua onde ela está localizada seja fechada para trânsito de carros nos finais de semana”.   O morador conta que no último final de semana foi improvisada uma corda fina para evitar o trânsito intenso de carros e motos em frente ao patrimônio.   De acordo com a secretária de Cultura e Patrimônio, Margareth Monteiro, já faz parte da pasta a criação de projetos voltados para São Bartolomeu, os quais abrangem a preservação dos bens culturais, a interação da comunidade por meio de uma casa de cultura e a restauração e conservação da igreja matriz.   Em relação à igreja Matriz de São Bartolomeu, a secretária de Cultura e Patrimônio afirma que os projetos de restauração se encontram no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) já com uma fase bem avançada de aprovação.   “Mas infelizmente os recursos foram todos recolhidos no Governo Federal e, por isso, nós estamos em busca de possíveis patrocinadores para restauração da igreja”.   Outra demanda apontada pelos moradores, segundo Marco Aurélio Mota, é mais rigor na fiscalização em relação ao crescimento desordenado do distrito e afirma que já existem loteamentos irregulares na região. “Também temos notado mudança nas fachadas das casas históricas que descaracteriza arquitetura do vilarejo”. Depois da comemoração, a organização Na reunião foi lida a ata produzida pelo moradores contendo as demandas © Divulgação/ Neno Vianna Na reunião foi lida a ata produzida pelo moradores contendo as demandas Para apresentar as preocupações dos moradores, o presidente da Associação se reuniu com o Secretário de Turismo, Indústria e Comércio, Rodrigo Câmara; a vice-prefeita, Regina Braga e o prefeito de Ouro Preto, Angelo Oswaldo dias após o resultado da OMT.   De acordo com o secretário de Turismo, Indústria e Comércio, o presidente da associação de moradores saiu com a missão de se reunir com os comerciantes, donos de hospedagens e com a associação dos produtores de doce do distrito e a partir daí criar uma ata com as demandas do distrito.   Câmara conta que o primeiro encontro com a liderança comunitária foi um processo de escuta sobre as alegrias e medos que o moradores poderiam ter devido ao excesso de informações geradas a partir do título.   “É claro que houve muita insegurança em cima do que o título vai promover para a cidade de bom e de ruim e também uma falta de conhecimento que propicia a especulação de fake news, de fofocas”.   Na quarta-feira (29/9), representantes das secretarias municipais, a vice-prefeita, Regina Braga, e o prefeito de Ouro Preto estiveram no distrito e se reuniram com lideranças do vilarejo, que representaram os 700 moradores, para separar por secretarias as demandas locais. A partir desse encontro foi anunciado um plano diretor participativo para o Turismo nesta quarta-feira (6/10).   Na reunião foi lida a ata produzida pelo moradores contendo as demandas e a primeira ação prometida pela prefeitura foi uma visita da Secretaria de Defesa Social e do Departamento Municipal de Trânsito (Ourotran) na segunda-feira (4/10) mas, de acordo com o presidente da associação, a visita foi reagendada para a próxima sexta-feira. Plano participativo para o turismo O presidente da Associação de Desenvolvimento Comunitário de São Bartolomeu, Sergio Murilo de Oliveira, acredita que as soluções possam ser consolidadas com a criação do Plano Diretor para o Turismo, que será construído com a participação dos moradores.   “Queremos receber os turistas, mas queremos continuar sendo a São Bartolomeu que foi indicada, com toda sua beleza, tranquilidade e paz que nosso vilarejo merece ter”, afirma.   O secretário de Turismo, Indústria e Comércio, Rodrigo Câmara, afirma que a construção do plano diretor participativo será uma ação multidisciplinar, que envolve, além da Secretaria de Turismo, as Secretarias de Cultura e Patrimônio, Defesa Social e Obras.   “Hoje esse título de uma das melhores vilas turísticas do mundo é um motivo para celebração e é uma forma de impulsionar o desenvolvimento socioeconômico do distrito com os pilares da sustentabilidade, manutenção das tradições, ofícios e fazeres”.   O Plano de Turismo vem a partir do título que são Bartolomeu recebeu como uma das melhores vilas rurais do mundo e, dentro da perspectiva da OMT de garantir o desenvolvimento sustentável do turismo nessas localidade, a secretaria vem com a proposta de organizar um roteiro dentro do distrito.   “São Bartolomeu tem muitos atrativos naturais e já tem muitas atrações consolidadas, o que faremos agora é apresentar de uma forma mais profissional e acompanhar mais de perto”.

México volta a exigir visto de brasileiros diante de crise migratória na fronteira com EUA .
México volta a exigir visto de brasileiros diante de crise migratória na fronteira com EUAUm anteprojeto da determinação foi publicado nesta quinta-feira (14) no site da Comissão Nacional de Melhora Regulatória, órgão do governo mexicano. Atualmente, para entrar no México a turismo ou negócios, brasileiros precisam apenas apresentar o passaporte.

Ver também