TOP notícias

Mundo: Fabrizio Romano nomeia os 4 clubes que estão brigando por Haaland

Anderson Di Rizzi debate liberação de armas no país em 'O Segundo Homem'

  Anderson Di Rizzi debate liberação de armas no país em 'O Segundo Homem' O IBGE projeta que o ano de 2022 deve bater o recorde da safra, com a produção de mais de 277 milhões de toneladas.Saiba mais em youtube.com.br/bandjornalismo#BandNews #IBGE #Safra

O jornalista Fabrizo Romano revelou os quatro clubes que estão disputando a contratação do atacante Haaland para a próxima temporada. Com uma multa de 75 milhões de euros, o nome do jovem jogador certamente será um dos mais falados na próxima janela do futebol europeu.

  Fabrizio Romano nomeia os 4 clubes que estão brigando por Haaland © 2022 Getty Images, Getty Images Europe

Com o Borussia Dortmund, Haaland tem contrato até o ano de 2024, mas o jogador já admite estar com os dias contados no clube da Bundesliga. A pressão interna de seu agente é o fato que faz Haaland procurar por um novo clube. A ideia de seu agente, Raiola, é colocá-lo em uma potência na próxima temporada.

Disputa PT-PSB em São Paulo trava federação, diz Luiz Marinho

  Disputa PT-PSB em São Paulo trava federação, diz Luiz Marinho Em entrevista ao Poder360, Luiz Marinho disse que o partido não abrirá mão da candidatura de Fernando Haddad“Se o PSB deseja ter um candidato, não tem problema para nós. Não temos problema em ter 2, 3 palanques para o[ex-presidente Luiz Inácio] Lula [da Silva] em São Paulo. O que não topamos de jeito nenhum é abrir mão da candidatura de Haddad. Não adianta dizer que para ter federação precisa ter o Márcio França. Não vai ter. Se a federação passa por aí, está inviabilizada”, disse.

Dos 4 clubes, o mais interessado é o Barcelona. Laporta, presidente do clube espanhol, admite estar bastante confiante na contratação do jovem jogador. Inclusive, na mídia local, é falado que o Real Madrid pode facilitar a vida do Barcelona para ter Haaland pensando em uma rivalidade com Mbappé no futuro, asism como era Cristiano Ronaldo e Messi.

O Barça, em crise financeira, não está sozinho. O Real, apesar do rumor, tem montante e o aval de Raiola para negociar com Haaland. Com Benzema em uma certa idade, a diretoria sabe que é preciso encontrar um novo e bom centrovante.

Manchester City e PSG olham para Haaland

Sem Aguero e à procura de um atacante, o City vê em Haaland uma grande prioridade para o futuro. Pep Guardiola sabe do potencial do jogador e já deu seu aval para conversas. Todavia, Kane, do Tottenham, segue sendo a prioridade.

Microplásticos: principais poluentes dos oceanos

  Microplásticos: principais poluentes dos oceanos Os microplásticos, como o próprio nome diz, são pequenas partículas de plástico. Esse tipo de material é um dos principais poluentes dos oceanos. Alguns pesquisadores consideram que o tamanho máximo dos microplásticos é de 1 milímetro, enquanto outros adotam a medida de 5 milímetros. O grande problema é que, como mencionado em nossa matéria sobre a grande quantidade de plástico nos oceanos, os microplásticos alteram a composição de certas partes dos oceanos, prejudicando o ecossistema da região e consequentemente a saúde humana.

Por fim, o PSG também está de olho, mas corre bastante por fora. Por atuar em uma liga longe da elite do futebol europeu, as coisas não são tão fácies para o clube francês.

Leitura recomendada:

  • Na mira de gigantes, Haaland desabafa
  • Quase dois bilhões de reais: gigante europeu prepara oferta de 300 milhões de euros por Haaland
  • Chapéu no Barça! Gigante inglês tem reunião marcada para fechar com Haaland

Entenda a crise entre a Rússia de Putin, a Ucrânia e as forças da Otan .
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A grave crise no Leste Europeu que opõe a Rússia de Vladimir Putin à Ucrânia e ao Ocidente, representado pela sua aliança militar, a Otan, pode trazer a guerra de volta ao solo europeu. Ao mesmo tempo, as negociações em torno do impasse testam duas décadas de política de Putin e talvez seu futuro político -no poder desde 1999, ele mudou a Constituição e pode tentar ficar no cargo até 2036. O presidente da Rússia, que assumiu sobre as ruínas dos dez anos de crise após o fim da União Soviética, trabalhou um plano geopolítico claro.

Ver também