TOP notícias

Mundo: UE especula vacinação obrigatória, e mortes por Covid na Alemanha chegam a maior nível em 9 meses

6 perguntas sobre a vacinação em crianças, autorizada pela Anvisa no Brasil

  6 perguntas sobre a vacinação em crianças, autorizada pela Anvisa no Brasil Dezenas de países no mundo já aplicam o imunizante em crianças; aqui no Brasil, compra e aplicação dependerão do Ministério da Saúde, que disse estar 'analisando' decisão da Anvisa.Agora, a aplicação da vacina (também chamada de Comirnaty) está permitida, mas, para ocorrer na prática, depende de as doses (que terão frasco e composição diferente da dos adolescentes e adultos) serem adquiridas e distribuídas pelo Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde - que, por enquanto, disse apenas que "analisará a decisão da Avisa".

BRUXELAS, BÉLGICA (FOLHAPRESS) - A vacinação obrigatória não deve ser descartada como política pública para defender a população da União Europeia (UE), disse nesta quarta (1ª) a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

Regras de saúde pública no bloco europeu são decididas pelos governos nacionais, e, na terça (30), a Grécia anunciou que passará a multar residentes de 60 anos ou mais que não se imunizarem até 16 de janeiro. Já a Áustria pretende tornar compulsória a vacina anti-Covid a partir de fevereiro.

O comentário da líder do Executivo da UE vem no mesmo dia em que a Alemanha registrou o maior número de mortes por Covid dos últimos nove meses. O Instituto Robert Koch, a agência federal de controle de doenças do país, relatou 446 novas mortes pela doença nesta quarta —maior cifra diária desde 18 de fevereiro.

BMW: novos X3 M40i e X4 M40i, com 387cv, chegam ao Brasil

  BMW: novos X3 M40i e X4 M40i, com 387cv, chegam ao Brasil Com 387cv, os novos BMW X3 M40i e X4 M40i chegam ao país com visual atualizado. Ambos ficaram mais esportivos – e trazem em comum os faróis duplos a […]Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

A taxa de incidência da doença nos últimos sete dias por 100 mil habitantes, porém, caiu pelo segundo dia consecutivo: 442,9, contra 452,2 na terça (30). Epidemiologistas locais afirmam que, se seguir assim, o país ainda pode ter 6.000 pessoas com Covid em tratamento de terapia intensiva até o feriado do Natal, independentemente das medidas de mitigação que as autoridades tomem nos próximos dias.

Von der Leyen pediu aos 27 países-membros do bloco europeu que ampliem a porcentagem de habitantes imunizados e acelerem a aplicação de doses de reforço. Também considerou aceitável que, enquanto não há evidências científicas sobre o efeito da variante ômicron, governos exijam de viajantes testes negativos para Sars-Cov-2, mesmo nas viagens internas à UE, como vem fazendo Portugal.

Áustria define multa de até 3.600 euros para quem não se vacinar

  Áustria define multa de até 3.600 euros para quem não se vacinar Governo austríaco quer tornar a imunização contra a covid-19 obrigatória para todos acima de 14 anos a partir de fevereiro. Quem não cumprir estará sujeito a multas trimestrais. © Askin Kiyagan/AA/picture alliance Manifestantes antivacina protestam contra planos de imunização obrigatória na Áustria O governo da Áustria divulgou nesta quinta-feira (09/12) detalhes de seu plano para tornar a vacinação contra a covid-19 obrigatória no país. A regra valerá para residentes com mais de 14 anos de idade, e quem desobedecê-la ficará sujeito a multas de até 3.600 euros (cerca de 22,6 mil reais).

Questionada por repórteres sobre a obrigatoriedade da imunização, respondeu: "Temos as vacinas, que salvam vidas, mas não estão sendo usadas adequadamente em todos os lugares. E este é um custo enorme para a saúde. Pensar sobre a vacinação obrigatória na União Europeia, isso precisa ser discutido. Isso precisa de uma abordagem comum, mas é uma discussão que acho que deve ser cumprida".

A presidente da Comissão Europeia ressaltou ainda que, na média, um quarto dos adultos e um terço da população total do bloco ainda não foi vacinada. Isso equivale a 150 milhões de pessoas, número que considerou excessivo mesmo descartando crianças e os que não podem receber a injeção por motivos médicos. Vacinas fabricadas pela Pfizer estarão disponíveis para crianças da UE a partir de 13 de dezembro, uma semana antes do prazo inicial previsto.

"A grande maioria poderia [tomar a vacina], portanto acho compreensível e adequado conduzir essa discussão agora", afirmou. Von der Leyen, como vários líderes do bloco, disse que sistemas de saúde estão ficando sob pressão com a quarta onda de Covid que já dura mais de um mês, e que a nova cepa pode piorar o quadro.

Vacinação obrigatória não é aceitável, afirma ONU

  Vacinação obrigatória não é aceitável, afirma ONU A vacinação obrigatória "deve sempre respeitar os direitos humanos e forçá-la não é aceitável", afirmou nesta quarta-feira (8) a Alta Comissária para os Direitos Humanos da ONU, Michelle Bachelet. A Alta Comissária afirmou ainda que os objetivos dos países que planejam adotar a vacinação obrigatória contra a pandemia são "do mais elevado nível de legitimidade e importância"."Sob nenhuma circunstância, as pessoas devem ser vacinadas à força, embora se uma pessoa se nega a cumprir com a obrigação de ser vacinada pode ter consequências legais, como por exemplo uma multa apropriada", disse Bachelet em uma mensagem de vídeo.

Quatro pessoas no sul da Alemanha receberam diagnóstico de Covid com a variante ômicron, embora já estivessem com esquema vacinal completo, segundo anunciado também nesta quarta. Três dos infectados tinham viajado para a África do Sul recentemente, e a quarta pessoa é familiar de um deles.

O futuro premiê alemão, Olaf Scholz, afirmou nesta terça que o país vai discutir a possível obrigatoriedade da vacina —atualmente, 68% dos alemães tomaram as duas doses—, mas reforçou que decisão do tipo cabe ao Bundestag, o Parlamento do país. De acordo com o social-democrata, a medida deveria começar a valer até, no máximo, o início de março do próximo ano.​

Os dois primeiros casos da nova cepa também foram confirmados na Noruega em pessoas que viajaram recentemente para a África do Sul, informaram as autoridades da cidade de Oeygarden, no oeste do país. O município de cerca de 40 mil habitantes passa pelo aumento do número de infecções, e a Noruega anunciou o retorno do uso de máscaras em locais lotados, bem como a aceleração das doses de reforço.

Já na Dinamarca, a autoridade de segurança sanitária disse que uma pessoa infectada com a ômicron participou de um show do DJ Martin Jensen no sábado (27), na cidade de Aalborg. O país tem quatro casos da nova variante confirmados até o momento.

Alemanha tem maior número diário de mortes por covid-19 em 9 meses .
Em meio a quarta onda da pandemia, associação médica alerta para colapso de hospitais e defende lockdown. Cerca de um terço da população alemã ainda não foi imunizada. © Julian Stratenschulte/dpa/picture alliance A Alemanha registrou 446 mortes por covid-19 nesta quarta, a maior marca desde 20 de fevereiro Assolada pela quarta onda de covid-19 no país, a Alemanha registrou nesta quarta-feira (01/12) o maior número diário de mortes em decorrência da doença em nove meses.

Ver também